Notícias

Anterior Seguinte
Informações | 03 03 2014
Peugeot no 84º Salão internacional de Genebra

   

 

  No seu stand do 84º Salão de Genebra, a Peugeot revela as vantagens de uma dupla ofensiva, produto e tecnologia. Com os mais recentes lançamentos na gama mais jovem da sua história, a Marca apresenta-se no evento com o Peugeot 108 e o novo Peugeot 308 SW; o novo motor a gasolina PureTech de 3 cilindros 1.2l, as novas motorizações diesel BlueHDi (uma tecnologia exclusiva Euro6 Diesel para redução das emissões poluentes), a oferta híbrida diesel HYbrid4 e o conceito 2008 HYbrid Air confirmam a sua experiência tecnológica e ambiental, para hoje e para o amanhã. Com o RCZ R, 308 R Concept e o 208 T 16 Pikes Peak a Peugeot afirma de uma forma vincada, que a emoção automóvel estará sempre no coração da sua promessa cliente. Entre os 28 veículos e concept-cars apresentados nos 2. 650 m² da exposição Peugeot no Salão de Genebra 2014, os 700.000 visitantes aguardados poderão descobrir dois modelos em estreia mundial.

 

No Verão de 2014, enriquecido com uma magnífica carreira comercial - mais de 800.000 unidades vendidas - o Peugeot 107 cederá o seu lugar ao Peugeot 108. Compacto (comprimento de 3,47m), ligeiro (a partir de 840 kg), naturalmente adaptado à cidade, o Peugeot 108 é proposto em berlina de 3 e 5 portas, ou em cabriolet com o 108 TOP !. O seu design chique e distinto, com linhas precisas, ópticas dianteiras com imagem tecnológica e uma reduzida distância entre os eixos, acentuam o dinamismo, apelando à personalização: cada um poderá ter o seu 108. Será possível escolher oito cores de carroçaria, entre as quais duas são exclusivas, três para as capotas no 108 TOP !, duas tintas de bi-ton para a berlina de 3 portas, mas também sete temas de personalização e ambientes interiores. O Peugeot 108 participa na subida de gama da Marca: a riqueza exterior dá continuidade à interior com um habitáculo confortável, facilmente acessível, equipado, consoante as versões, com um grande touch screen de 7’’, uma câmara de marcha atrás, um botão de arranque associado ao sistema de Acesso e Arranque mãos-livres (ADML), uma climatização automática, retrovisores eléctricos e aquecidos, acendimento automático das luzes … Adequado à época, o urbano Peugeot 108 está sempre ligado, como prova a oferta da nova tecnologia Mirror Screen. Compacto e elegante, consegue também ser útil com uma mala de volume generoso para a sua categoria, modulável de 196 para 750 litros. Os clientes do Peugeot 108 poderão escolher entre quatro motorizações com base em dois motores de 3 cilindros a gasolina (1.0 l VTi 68 e PureTech 1.2 l VTi 82), com baixos consumos – a partir de 88g/km CO2.

 

A partir do próximo mês de Abril, a oferta do novo 308 será enriquecida com uma segunda silhueta. Totalmente repensada, recuperando apenas o nome do seu antecessor, o novo Peugeot 308 SW propõe uma alternativa forte e diferenciadora que dá resposta aos valores fundamentais da categoria das breaks em termos de volume, utilidade, habitabilidade e modularidade. Terá como vocação assumir totalmente o seu lugar na categoria das breaks. Designers e engenheiros equiparam-na com inúmeras vantagens: uma concepção eficaz que se baseia numa radical estratégia de redução de peso, design dinâmico, posto de condução inovador com instrumentos e controlos únicos, uma nova experiência de condução, motores inovadores com consumos controlados e qualidade do mais alto nível. Graças à nova plataforma EMP2, conseguiram conciliar dimensões generosas (comprimento de 4,58 m), uma habitabilidade e volume de carga (de 610 a 1 660 dm3 VDA) entre os melhores do mercado, com uma redução de peso de 140 kg relativamente ao seu antecessor. Iluminado pelo imenso tecto panorâmico de 1,69 m2, o interior refinado e tecnológico do novo Peugeot 308 SW distingue-se pelo Peugeot i-Cockpit. Composto por um volante compacto para maiores sensações, um painel de instrumentos elevado para uma legibilidade ideal das informações, uma consola central elevada e um touch screen de 9,7’’ para uma condução intuitiva, o Peugeot i-Cockpit destaca-se claramente da concorrência. Aliadas a uma aerodinâmica optimizada (Cx : 0,28, Scx : 0,64) e a um peso reduzido, as duas motorizações gasolina com turbocompressor 1.2l e 1.6l de 130 e 155 cv e as quatro motorizações diesel 1.6 e 2.0 HDi de 92 de 150 cv, entre as quais várias cumprem já as normas Euro 6, conferem ao novo Peugeot 308 SW emissões particularmente controladas: assim, o inédito motor de 3 cilindros gasolina turbo PureTech 1.2 e-THP de 130 cv limita as suas emissões de CO2 para 109 g/km, enquanto a nova versão 1.6l BlueHDi 120 cv associada a uma caixa de velocidades mecânica de seis velocidades consome apenas, em ciclo misto, 3,2 l/100km, ou seja 85g/km de CO2 - recorde no segmento. Várias ajudas à condução recorrendo à tecnologia, como o Controlo dos Ângulos Mortos, o Regulador de Velocidade Activo, o Alerta de Risco de Colisão e a Travagem Automática de Emergência, reforçam a tranquilidade na condução. Uma ampla conectividade, o sistema Park Assist ou o Driver Sport Pack são equipamentos ao serviço da emoção e do conforto da vida a bordo. Ainda um equipamento inédito no segmento: as luzes Full Led são de série nas versões mais equipadas.

 

A Marca reduziu em 2013 as emissões médias ponderadas de CO2 das suas gamas europeias: 115,2 g/km (11 meses em 2013), contra 121,6 g/km em 2012, a Peugeot posicionou-se no pódio europeu das marcas com menores emissões. A política ambiental da Marca traduz-se, para os motores térmicos, pela sua constante optimização (melhoria do rendimento, downsizing, Stop&Start…), pela introdução de versões e-THP na família dos motores a gasolina de três cilindros de nova geração PureTech e pelo salto tecnológico dos motores HDi para a sua adaptação à norma Euro 6. O novo Peugeot 308 1.2l e-THP 130 cv inaugura assim o inédito motor de 3 cilindros a gasolina PureTech, versão com turbocompressor de injecção directa associada a uma caixa de velocidades mecânica de seis velocidades. Modular e compacto, virtuoso e de alto rendimento, este motor associa o mais elevado nível de eficácia e tecnologia. A injecção directa de alta pressão (200 bars) e o turbo de nova geração de alto rendimento propõem um conforto de condução excepcional, a partir dos regimes mais baixos. Com um binário máximo de 230 Nm obtido a 1750 rpm, apresenta, com efeito, o melhor compromisso binário baixo regime/ máxima potência do mercado. 95 % do binário permanece disponível entre as 1500 e 3500 rpm, garantia de uma exploração ideal em qualquer circunstância. Com potência e conforto equivalentes, os consumos e emissões de CO2 são reduzidas em 21%.

A Peugeot expõe em Genebra a sua nova tecnologia diesel BlueHDi, da qual beneficiarão, de futuro, várias versões dos Peugeot 308, 308 SW e 508. Associando de forma exclusiva a SCR (Selective Catalytic Reduction) e o FAP aditivado, permite que os motores e-HDi reduzam os NOx até 90%, optimizem as emissões de CO2 e o consumo, garantindo a eliminação das partículas em 99,9 %. A tecnologia BlueHDi já cumpre amplamente a norma Euro 6 Diesel e será desenvolvida progressivamente para todos os modelos diesel da marca. Inaugurada no 508 2.0 BlueHDi 180, a nova caixa de velocidades automática de seis velocidades AISIN de 3ª geração está igualmente disponível no 308 SW, associada ao motor 2,0l BlueHDi 150. Esta nova caixa de velocidades automática dispõe da tecnologia Quickshift, que concilia alterações de velocidade mais rápidas com uma fluidez e um conforto de utilização de alto nível. A sua concepção traduz-se por uma redução drástica das emissões de CO2: no 308 SW, a diferença de emissões relativamente a uma caixa de velocidades manual é, assim, reduzida para 5g/km (consoante montagem de pneus) e posiciona essa versão ao melhor nível em termos de comportamento e de consumo.

Outra clara ilustração do progresso ambiental e da subida de gama da Peugeot, a tecnologia híbrida diesel HYbrid4 inaugurada em 2012 em estreia mundial no 3008 HYbrid4 e, em seguida, desenvolvida no 508 RXH e 508 HYbrid4. Com a cadeia de tracção HYbrid4, a Peugeot propõe uma oferta inédita em termos de prestações ambientais e de sensações de condução. Os três modelos HYbrid4 já seduziram mais de 36 000 clientes. Graças a uma potência acumulada de 200 cv. Proveniente da motorização 2.0 HDi FAP que acciona o eixo dianteiro e um motor eléctrico no eixo traseiro, os modelos HYbrid4 conciliam uma nova experiência de condução pela selecção dos seus 4 modos (automático, « ZEV », sport, 4WD) e das emissões de CO2 a partir de 85 g/km. Mas para atingir, a longo prazo, o objectivo de um veículo de série acessível que consuma apenas 2 l/100 km, a Peugeot vira-se para soluções em ruptura. Assim, com a tecnologia HYbrid Air, etapa-chave para este objectivo, a Peugeot afirma-se novamente como pioneira. O 2008, modelo de vocação internacional, é o suporte natural desta nova cadeia de tracção que associa o motor a gasolina e ar comprimido numa tecnologia com custos controlados, aplicável a partir de 2016 nos VP e VUL dos segmentos B e C e acessíveis ao maior número de clientes nos cinco continentes. O 2008 HYbrid Air combina duas energias para atingir o melhor rendimento consoante as diferentes situações: o ar comprimido, proveniente nomeadamente da recuperação de energia de travagem e de desaceleração, vai assistir ou substituir o motor de 3 cilindros a gasolina de última geração optimizada nos melhores pontos de funcionamento. A parte pneumática é composta por um reservatório de alta pressão no túnel central, por um reservatório de baixa pressão ao nível do eixo traseiro e um conjunto motor/bomba instalada na transmissão, a cadeia de tracção HYbrid Air preserva a habitabilidade e a modularidade do veículo e traduz-se, para o condutor, por três modos de exploração: Air (ZEV), Gasolina e Combinado.

 

No stand Peugeot de Genebra, os visitantes poderão admirar outra ilustração da experiência da marca em termos de design e de sensações de condução. O exclusivo RCZ R, versão super desportiva do emblemático coupé RCZ, que já seduziu mais de 57.000 apaixonados, é, a partir do seu lançamento no início do ano, o modelo de série mais potente na história da marca. O seu novo motor 1.6 l de 270 cv – recorde de potência específico na categoria – cumpre as normas Euro 6 e limita as emissões de CO2 a 145g/km, colocando o RCZ R num registo de performance e eficácia inéditos. A assinatura exclusiva e promessa de sensações intensas, a sua altura reduzida e as suas jantes de 19’’ proporcionam ao RCZ R uma postura ainda mais expressiva; desde o posto de pilotagem ao ambiente subtilmente elitista, o condutor poderá explorar os desempenhos do motor graças às ligações ao solo específicas associadas a um diferencial de deslizamento limitado Torsen.

O 308 R Concept, concept car ultra-desportivo, radicaliza a pureza e identidade estilísticas do veículo de série. Com a sua altura reduzida, as suas amplas vias e traseira muito vincada, assente nas suas jantes de 19’’ em túlipa, o 308 R Concept não esconde a sua vocação desportiva e o seu temperamento exterminador. Por baixo da sua cobertura bicolor em carbono, esconde-se o motor do RCZ R, 4 cilindros a gasolina de 1.6 l para os quais os engenheiros da PEUGEOT SPORT conseguiram obter 270 cv, ou seja, uma potência específica, recorde na categoria, de quase 170 cv/l. Para explorar todo o seu potencial, o 308 R Concept está equipado com um eixo dianteiro com diferencial de deslizamento limitado Torsen e um sistema de travagem sobredimensionado.

2013, ano do crescimento da presença do 208 no mercado, que confirma a sua posição no pódio europeu das Berlinas, foi também o ano dos superlativos para a PEUGEOT SPORT com as versões de competição do herdeiro da saga das séries - 2 PEUGEOT. Não restam dúvidas de que o público suíço se apressará para junto do 208 T16 Pikes Peak : 25 anos após a primeira vitória de Ari Vatanen e do seu 405 T 16 na mítica prova americana, foi ao volante do futuramente lendário 208 T 16 Pikes Peak, versão final do 208 (V6 bi-turbo de 3,2 l, 875 cavalos para 875 quilos, 0 a 100 km/h em 1’’8…) que Sébastien Loeb pulverizou, em 8’ 13’’ 878, o recorde dos 20 km de ascensão. Uma aventura humana e mecânica que traduz o gosto pela excelência de toda uma marca.

 

Acompanhe-nos no Facebook da Peugeot Portugal e fique a par de todas as novidades do Salão Internacional de Genebra 2014.