Os pneus | Conselhos de Manutenção

A ESCOLHA DOS PNEUS

A dimensão, o índice de carga e o código de velocidade são determinados pelo Construtor e são o resultado do melhor equilíbrio em termos de segurança, comportamento e performance para o seu Peugeot.

Não escolha um pneu com índice de carga e código de velocidade inferior aos que estão homologados pelo Construtor. É perigoso e interdito pela regulamentação em vigor.

AS MARCAS DOS PNEUS

Marcação dos pneus (EX : 195/55/15)

195 = secção (largura) do pneu.
55 = relação altura/largura em % do pneu.
15 = diâmetro interior da jante em polegadas.

  • Índice de carga: carga máxima que o pneu pode transportar à velocidade máxima (indicado pelo código de velocidade).
  • Código de velocidade: velocidade máxima admitida para a carga indicada pelo índice de carga.
  • Indicador de desgaste, situado no fundo da escultura, numa das ranhuras principais.


Conseguimos saber se um pneu está gasto graças a estas indicações gravadas no pneu e que permitem localizar marcas de desgaste que se encontram no piso de rolamento. Estas marcas são pequenas ranhuras que se encontram no material do pneu. Quando a altura da borracha chega ao nível destas ranhuras, isso significa que o pneu está muito usado e deve ser trocado.

Verifique a pressão dos pneus uma vez por mês e antes de cada trajecto longo. É preferível fazê-lo com os pneus frios. Uma baixa pressão reduz a duração de vida dos pneus, aumenta o consumo de combustível e compromete a segurança da viatura.

OS SINAIS DE DESGASTE DO PNEU

  1. INDICAÇÃO VISUAL DO PNEU

A banda de rolamento apresenta deformações ou um desgaste irregular. Os flancos mostram cortes, fissuras ou altos. A profundidade mínima obrigatória é de 1,6 mm. Para manter os desempenhos de segurança da sua viatura, aconselhamo-lo a proceder à substituição dos seus pneus antes de atingir este limite.

  1. NA CONDUÇÃO

Vibrações no volante, veículo que «foge» para a esquerda ou para a direita, alongamento das distâncias de travagem.

     

OS PNEUS E INSPECÇÃO PERIÓDICA OBRIGATÓRIA

Particularmente severa para os elementos de segurança, a Inspecção Periódica Obrigatória é muito exigente relativamente ao estado dos pneus e das jantes. Para evitar os inconvenientes de uma reinspecção, não hesite em solicitar o controlo dos pneus por um especialista Peugeot.

Não se esqueça que o estado dos seus pneus afecta a segurança do seu veículo e a dos seus passageiros.

     

ALGUNS CONSELHOS

  • A pressão recomendada pelo Construtor para a sua viatura está indicada na abertura da porta do condutor e no manual de utilização.
  • Os pneus que apresentarem bossas, cortes, rachas, corpos estranhos ou piso irregular devem ser submetidos a um controlo pelo seu Reparador Autorizado PEUGEOT.
  • De 5 em 5 anos, independentemente da quilometragem e da profundidade das ranhuras, deve fazer um controlo dos pneus. Sem esquecer do pneu sobressalente.
  • Para as viaturas todo-o-terreno é recomendado substituir simultaneamente os 4 pneus.